Como realizar o início de um novo exercício no sistema Compras (Cloud)?



  Para iniciar um novo exercício, acesse o sistema Compras (Cloud), clique em Exercício  > + Exercício conforme a imagem abaixo:

No campo Novo Exercício digite o ano pretendido e em seguida selecione um organograma desejado. Entre as opções você poderá utilizar uma configuração do ano anterior já existente,  ou ainda, se desejar, poderá  criar um novo organograma. Ressalta-se que um novo organograma só deverá ser criado caso houverem alterações no mesmo.

Ressalta-se que ao terminar esta etapa, todos os sistemas que compartilham o cadastro de organograma ficarão com a nova configuração e para finalizar clique em salvar.

Como próximo passo, acesse os parâmetros gerais disponibilizados em Configurando > Parâmetros > Gerais:

Acesse a aba Por Exercício e verifique o parâmetro Numeração das licitações, onde existem duas opções, sendo elas:

Sequencial único por exercício: Ao marcar esta opção, o sistema terá um único sequencial para todas as licitações, independente da modalidade utilizada, por exemplo: o processo 1/2022 é um Pregão Presencial que ficará com o número de licitação 1/2022. E no processo 2/2022 é uma Tomada de Preço, que ficará como licitação 2/2022, seguindo assim com uma sequência única.

Sequencial único por modalidade e exercício: Já nesta  opção, cada modalidade de licitação possuirá sua própria sequência numérica, por exemplo: o processo 1/2022 é um Pregão Presencial que ficará com o número de licitação 1/2022. Já o processo 2/2022 é uma Tomada de Preço, que ficará como licitação 1/2022, seguindo assim uma sequência de licitação para cada modalidade. 

Caso tenha realizado alguma alteração no parâmetro, clique em Salvar. 

Em seguida, acesse o cadastro de despesas disponível no menu: Administrando > Orçamento > Despesas:

Ao acessar o cadastro, clique no botão: Atualizar Despesas:


Vale ressaltar que para as contrações de exercícios anteriores que serão utilizadas no novo exercício é necessário acessar as despesas da contratação e inserir as que serão utilizadas no novo exercício.

O mesmo também ocorre com os organogramas utilizados pela entidade, caso tenham sofrido alguma alteração nas contratações e distribuições das compras no novo exercício, ficará a cargo da entidade validar as divisões já realizadas e efetuar os respectivos ajustes nos organogramas.