Bem-vindo à central de ajuda da Exportação do sistema Saúde



O e-SUS contempla a estratégia do Ministério da Saúde, cujo objetivo é a reestruturação das informações da Atenção Primária à Saúde. 

A exportação dos dados é a ação que possibilita a entidade enviar a produção das unidades para o e-SUS, eliminando a necessidade de retrabalho. 

Para ter acesso a funcionalidade, basta possuir as devidas permissões concedidas pelo usuário administrador do sistema por meio do gerenciador de acessos. 

Com a permissão concedida o usuário poderá acessar Executando > Sistema > Exportação em qualquer área que o usuário estiver logado. 

Na guia e-SUS você realizará a exportação dos registros realizados no sistema Saúde para que fiquem disponíveis também no sistema e-SUS e ainda identificar previamente eventuais inconsistências e pendências nos registros. 

Confira abaixo mais detalhes!

Ao acessar a guia e-SUS, o painel gerencial apresenta as seguintes informações: competência, período, dados processados, inconsistências, pendências, exportados, total de registros e ações.

O sistema replica o que o e-SUS preconiza, assim os dados se referem ao processamento das 12 fichas: Atendimento domiciliar, Atendimento individual, Atendimento odontológico individual, Atividade coletiva, Avaliação de elegibilidade, Cadastro domiciliar e territorial, Cadastro individual, Complementar – Síndrome neurológica por Zika/Microcefalia, Marcadores de consumo alimentar, Procedimentos, Vacinação, Visita domiciliar e territorial.

Ao finalizar um registro de qualquer ficha indicada acima, automaticamente, os dados ficam disponíveis na aba Processados, caso não haja nenhuma inconsistência ou pendência.

Ao clicar em Visualizar processados, Visualizar inconsistências ou Visualizar exportados, será exibido detalhes da competência referente a cada processo, onde serão indicados os totalizadores, e as fichas geradas. 

A guia Totalizadores indica a quantidade de registro por ficha:

Na guia Fichas é possível visualizar todos os registros que originaram uma ficha e a situação da mesma.

Ainda é possível, corrigir algumas inconsistências, assim como reprocessar uma ficha (três pontinhos).

Na guia Inconsistências é possível verificar os clientes que apresentam inconsistências em suas fichas e corrigir acessando a opção Ver detalhes do cliente:

Vejamos um exemplo:

Ao acessar os detalhes da inconsistência é possível identificar o que precisa ser ajustado, podendo realizar o ajuste clicando em Corrigir inconsistência, na imagem ferramenta ao lado do número de registros. 

Para clientes não identificados, vale destacar que é necessário ajustar o cadastro do paciente que no momento do atendimento foi atendido sem identificação, pois caso o cadastro não esteja de acordo com a compatibilidade da tabela SIGTAP não haverá a transferência do recurso. 

Após corrigir qualquer inconsistência, realize o reprocessamento das inconsistências.

Os registros na aba Pendências são referentes aos registros realizados no aplicativo Saúde Domiciliar neste caso, o Agente Comunitário realiza a sincronização dos dados do aplicativo para que sejam processados no sistema. Ou também pode ser algum outro registro que não processou no momento do cadastro. Caso possua pendências, basta clicar na opção Reprocessar registros e os dados serão processados.

Atenção! Para as entidades que utilizam o aplicativo Saúde Domiciliar é obrigatório o reprocessamento dos registros para envio dos atendimentos ao e-SUS.

Registros com a situação Pendente, não são exportados ao e-SUS, então certifique-se de sempre reprocessar os dados, caso após reprocessamento ainda permaneça registros, entre em contato com nossa Central de Atendimento para verificarmos os dados.

Ao selecionar a rotina Exportações, será possível adicionar uma nova Exportação, podendo optar por exportar apenas os dados Não exportados ou Todos os registros e ainda escolher enviar apenas uma ficha ou todas, indicando o período desejado:

As fichas serão enviadas desde que não possuam inconsistências.

Importante! Para fichas de atendimento não serão exportados os atendimentos cuja especialidade estiver configurada como Atendimento especializado ou o registro foi efetuado no Atendimento de urgência. 

Para confirmar a informação deve ser acessado a rotina Configurando > Cadastros > Especialidades

Por fim, ao preencher os campos na aba Exportar dados, basta clicar em Exportar e será gerado um arquivo zip. Com o arquivo gerado, acesse o sistema e-SUS e realize a importação.

Após a geração, todos os registros contidos no arquivo atualizam para a situação exportada.

É possível pesquisar uma ficha específica, buscando por seu código UUID

O sistema lista o resultado de acordo com o UUID, com a possibilidade de visualizar detalhes do registro, e até corrigir alguma inconsistência.