Bem-vindo à central de ajuda do Transparência (Cloud)

Configurações



Nessa tela é possível visualizar todas as consultas da entidade, bem como realizar as configurações das mesmas, com a possibilidade de adicionar novas consulta, publicá-las para disponibilizar ao contribuinte, criar gráficos, hiperlinks, incorporação de páginas entre outras funcionalidades que serão detalhadas a seguir.

Por meio do botão + CONSULTA é possível adicionar um novo registro e realizar o preenchimentos dos seguintes campos:

Título: Título da consulta que será exibido no portal

Descrição: Texto explicativo da consulta. Deve conter informações relevantes, de modo que facilite o entendimento dos dados referentes a consulta. Ressalta-se que o limite máximo é de 1.000 (mil) caracteres

Localização no menu: Nesse campo é possível selecionar em qual menu do portal a consulta estará disponível para o contribuinte. Caso nenhuma localização seja informada, a consulta não será exibida no portal.

Modelo de dados: Seleção do modelo de dados que será utilizado na consulta, ou seja, será a fonte de informação dos dados. Exemplo: Receitas orçamentárias, Contratos, Obras, Servidores entre outros.

Tipo: Permite que o usuário opte por Consulta ou Relatório

Consulta: Permite ao contribuinte visualizar as informações e detalhes configurados pelo usuário e ainda navegar entre as páginas de dados.

Relatório: Neste tipo, a consulta exibe os dados dos relatórios cadastrados no item 3.5.1 deste manual e também os arquivos anexados de diversos formatos.

Modelo Impressão/Exportação: Seleciona o modelo de layout que será usado na impressão também na exportação da consulta.

Publicar no portal: Ao marcar esta opção a consulta ficará disponível no portal e o seu status será “Publicada”, caso contrário ficará com o status “Em edição”. Caso o campo “Localização do menu” não esteja preenchido, a consulta não será exibida no portal

Após o cadastro de uma Consulta, você poderá aplicar o filtro, visível no ambiente, ou utilizar os critérios de pesquisa para uma busca mais efetiva.

O recurso FILTRAR POR disponibiliza as seguintes opções:

Todos: Lista todas as consultas da entidade

Padrões do sistema: Lista somente as consultas disponibilizadas pela Betha Sistemas, que estão configuradas como “padrão”.  Essas consultas não podem ser editadas pelo usuário

Definidas por usuário: Lista somente as consultas adicionadas pelos usuários da entidade.

Como já citado, além dos filtros, faça uso também dos critérios da Pesquisa avançada. Veja:

São várias as ações disponíveis na listagem em cada cadastro realizados, as quais veremos cada uma delas.

Ao selecionar esta opção a consulta será removida do menu no portal e o seu status passará a ser Em edição.

Caso a consulta esteja com o status Em edição essa opção estará disponível como Publicar e ao acioná-la a consulta passará a ser exibida no portal.

Essa opção permite ao usuário realizar alterações no cadastro base da consulta.

Vale ressaltar que não é permitido editar o campo Modelo de dados.

Remove a consulta e apaga todas as configurações realizadas na consulta.

Caso a consulta tenha alguma Notificação cadastrada, então é preciso excluir a notificação antes de excluir a consulta.

Realiza a cópia da consulta, bem como todas as suas configurações e adiciona ao final do campo Descrição o termo – cópia.

Propriedades: Nesta opção o usuário poderá realizar a configuração de cada campo da consulta.

Gráfico: Possibilita ao usuário realizar a configuração do gráfico referente a consulta

Hiperlinks: Nesta opção o usuário poderá realizar a configuração dos hiperlinks.

Incorporar página: Nesta opção o usuário poderá realizar a configuração da incorporação de página da consulta.

Esta tela é responsável pela configuração da consulta, ou seja, nela é possível informar quais campos serão exibidos para o contribuinte, quais serão usados como totalizadores ou ainda como filtros, bem como a ordem das colunas, tema e ordenação de dados.

Tema: Ao acionar o botão + TEMA o usuário deverá preencher os seguintes campos para que a consulta realize um filtro com base nas informações disponibilizadas pelo usuário, conforme abaixo:

  • Campo: Campo do modelo de dados que foi configurado no cadastro base da consulta e será um filtro para o tema. Exemplos: Número do empenho, Data do pagamento, Tipo de veículo.
  • Operador: Permite selecionar as seguintes opções:
      • Igual
      • Menor
      • Maior
      • Contém: Esta opção deve ser usada com campos do tipo texto (string).
      • Diferente: Esta opção deve ser usada com campos do tipo texto (string).
      • Valor: Campo livre para que o usuário informe o que gostaria que fosse usado como valor para o filtro de tema. ExemploCampo – Cedido/Recebido (Modelo de Servidores e Remunerações), Operador – Igual, Valor – Cedido. A palavra Cedido deve ser escrita dentro da caixa de texto Valor. Observação: É possível adicionar vários filtros ao tema para obter diferentes tipo de consultas. Assim, se na consulta de Almoxarifado o usuário quer uma informação específica para a entidade Entidade Modelo, ano de 2019 e que o valor de estoque seja maior que R$100,00.

Ordenação da consulta: Com esta funcionalidade o usuário poderá definir uma ordenação padrão para a consulta, bastando apenas informar os campos:

  • Propriedade de ordenação da consulta: Campo do modelo de dados que foi configurado no cadastro base da consulta. Exemplos: Número do empenho, Data do pagamento, Tipo de veículo.
  • Classificação: Neste campo o usuário poderá selecionar as opções:
      • Crescente: Do menor para o maior
      • Decrescente: Do maior para o menor

Consulta | Modelo de dados: Nesta área da tela de configuração, temos uma tabela com quatro colunas para que o usuário organize a consulta, bem como escolher as informações que serão exibidas para o contribuinte

  • Propriedade: Descrição do campo do modelo de dados.
  • Visualização: Permite ao usuário informar as seguintes opções em cada campo:
      • Não exibir: O campo não é mostrado na consulta. Caso o usuário deixe o campo vazio ele será marcado como Não exibir .
      • Tabela: O campo é exibido somente na listagem principal da consulta.
      • Detalhes: O campo é exibido somente no detalhamento do registro.
      • Tabela e detalhes: O campo é exibido tanto na listagem principal quanto no detalhamento.
  • Totalizador: Permite ao usuário informar o tipo de totalizador para a consulta, sendo que esse totalizador estará disponível somente na listagem principal:
      • Contagem: Conta a quantidade de registros do campo na consulta.
      • Média: Soma os valores do campo e exibe a média aritmética.
      • Menor valor: Exibe apenas o menor valor encontrado para o campo.
      • Maior valor: Exibe apenas o maior valor encontrado para o campo.
      • Soma: Faz a soma dos campos.
  • Filtro: Esta funcionalidade permite ao usuário exibir o campo como um filtro para que o contribuinte possa usá-lo ao acessar a consulta no portal:
      • Igual: Busca um termo exatamente igual ao informado no filtro informado.
      • Textual: Busca textual, mais usada para nomes e descrições .
      • Seleção múltipla: Exibe cada dado como uma caixa de seleção para que o contribuinte marque uma ou mais opções.
      • Seleção única: Exibe cada dado como uma caixa de seleção para que o contribuinte possa escolher uma entre todas as opções disponíveis.
      • Intervalo: Permite ao contribuinte estabelecer dois valores entre os quais o filtro fará a busca. Essa opção deve ser usada com campos do tipo Valores (inteiros ou decimais), Data ou Competência

Arrastar e soltar: Com essa funcionalidade o usuário poderá colocar os campos da consulta na ordem que desejar, bastando apenas arrastar o campo e soltá-lo na posição que quiser. Exemplo: Clique no símbolo conforme a imagem abaixo para selecionar o campo e arrastar.

Em cada consulta o usuário poderá configurar um gráfico baseado no modelo de dados selecionado

Definir modelo: Os modelos de gráfico que estão disponíveis são:

    • Linhas
    • Pizza
    • Barra vertical

Título: Título do gráfico que será exibido na consulta

Descrição: Texto explicativo sobre o gráfico. Tamanho máximo de 600 caracteres

Agrupador: Campo que será usado como agregador de informações. Exemplo: campo de Descrição do órgão

Propriedades: Campos que serão usados como as séries do gráfico. Exemplo: Valor do empenho / Valor anulado

Totalizador: Tipos de totalizadores

    • Contagem
    • Média
    • Menor valor
    • Maior valor
    • Soma

Número de valores: Quantidade de campos que serão usados no gráfico. Quantidade fixada até no máximo 13 campos

Tipo dos valores: Tipo dos valores do gráfico

    • Numérico: Valores em geral
    • Financeiro: Adiciona a notação R$ nos valores

Publicar no portal: Opção para exibir o gráfico no portal

Botão Visualizar: Atualiza os dados da pré-visualização com base das informações escolhidas

Em cada consulta o usuário poderá definir quantos hiperlinks julgar necessário com base nas seguintes informações:

Título: Título do hiperlink .

Propriedade com o hiperlink: Campo da consulta que será o link clicável para o contribuinte navegar. Exemplo:  link.

Consulta destino: Selecionar a consulta que será aberta quando o contribuinte clicar no link.

Configurações de filtros de ligação: Os filtros de ligação são os campos das duas consultas que serão usados para relacionar os dados entre elas. Necessariamente os campos devem iguais nas duas consultas, por exemplo: Número de empenho na consulta atual e Número de empenho na consulta destino.

Propriedade consulta origem: Campo da consulta atual que será usado para fazer a ligação com a consulta de destino.

Propriedade consulta destino: Campo da consulta de destino que será usado para fazer a ligação com a consulta atual. Exemplo de configuração: Para localizar corretamente o empenho na consulta de destino foi preciso usar, além no número do empenho, também o ano do empenho na configuração do hiperlink, pois os números de empenho desse cliente são iniciados a cada ano, ou seja, caso fosse usado somente o número do empenho para realizar a busca, a consulta de destino iria apresentar todos os empenhos com o aquele número em cada ano, fazendo assim com que o contribuinte visualizasse vários registros de empenho na consulta de destino e assim gerando um resultado incorreto.

Exemplo de como o hiperlink é apresentado:

Na imagem acima foi usada a consulta Despesas orçamentárias e no campo Número do empenho, que está no detalhamento da consulta, foi adicionado o hiperlink. Quando o contribuinte clicar em um dos números de empenho, o Transparência irá abrir a consulta que foi configurada no campo Consulta destino e usará o número do empenho, juntamente com o ano do empenho para fazer um filtro, trazendo somente o(s) registro(s) referente aquele empenho e ano.

A partir dessa janela de consulta o contribuinte pode ver o detalhamento do registro e navegar entre os registros, quando houver mais de um registro relacionado.

Essa funcionalidade permite ao usuário configurar quais informações estarão disponíveis quando a consulta for exibida em outra página que não o Transparência Cloud.

  • Exibir menu: Ao habilitar essa opção o menu do Transparência estará disponível para o contribuinte, juntamente com a consulta que está sendo incorporada. Exemplo com somente a opção Exibir menu habilitada.

Note que o menu do Transparência Cloud está sendo exibido, mas o restante do sistema está oculto (cabeçalho e rodapé)

  • Exibir cabeçalho: Ao habilitar essa opção o cabeçalho do Transparência estará disponível para o contribuinte, juntamente com a consulta que está sendo incorporada. Exemplo com somente a opção Exibir cabeçalho habilitada.

Note que somente o cabeçalho do sistema está disponível juntamente com a consulta.

  • Exibir rodapé: Ao habilitar essa opção o rodapé do Transparência estará disponível para o contribuinte, juntamente com a consulta que está sendo incorporada. Exemplo com somente a opção Exibir rodapé habilitada.

Note que ao final da consulta é exibido o rodapé do sistema com todas as funcionalidades configuradas

Observações: Caso o usuário desabilite todos os parâmetros da incorporação de página, o Transparência exibirá apenas a consulta, sem as demais funcionalidades.

Após configurar as opções disponíveis, o usuário deverá gera a url da consulta para disponibilizá-la ao outro sistema ou site que irá incorporar a consulta. Para isso, você deve utilizar o botão GERAR URL. Com isso, o sistema disponibilizará a url da consulta que será incorporada e também uma opção para copiar essa url para a área de transferência.

Essa funcionalidade permite ao usuário adicionar uma notificação personalizada no formato de mensagem em cada consulta publicada no portal. Ao acessar a funcionalidade, todas as consultas cadastradas estarão disponíveis para que seja possível adicionar a mensagem personalizada.

Assim, para adicionar uma nova notificação, basta clicar no balão de diálogo ao lado de cada consulta disponível e preencher os seguintes campos:

Descrição: Nesse botão o usuário poderá adicionar a mensagem personalizada com limite de 1000 (mil) caracteres.  E após inserir o texto o você poderá marcar a opção Publicar no portal para que a mensagem seja exibida no portal.  Caso essa opção não seja marcada, a mensagem ficará com a situação Em edição.

Situação: apresenta o tipo Publicada, quando a mensagem é exibida ao acessar a consulta ou Em edição, quando ela ainda não é exibida.

Após adicionar a mensagem o botão passa a assumir o símbolo , onde as seguintes opções estão disponíveis:

Publicar/Despublicar: Habilita ou desabilita a mensagem da consulta, fazendo com que ela seja exibida ou não.

Editar: Permite realizar alterações na mensagem cadastrada e também publicar ou despublicar.

Excluir: Apaga a mensagem da consulta. Essa opção não interfere na consulta, somente na mensagem vinculada a ela.

Esta seção disponibiliza dados estruturados e legíveis por máquinas possibilitando a criação de novas consultas ou aplicações. Os dados obtidos através desta seção estão estruturados com base nas recomendações da Infraestrutura Nacional de dados abertos – INDA.

Para deve ser habilitada a opção Permitir exibição no Portal da Transparência para que o portal disponibilize a área de acesso aos dados abertos.

Após habilitar o parâmetro citado anteriormente, marque por meio da checkbox, localizada do lado direto na listagem do ambiente, os dados que deseja disponibilizar aos contribuintes. Não esqueça de de clicar em SALVAR, opção dipsonível ao final da página.

É por meio desta funcionalidade, você poderá adicionar arquivos em alguns modelos de dados:

    • Contratos
    • Convênios recebidos
    • Convênios repassados
    • Licitações
    • Obras

Para isso, basta utilizar escolher o Modelos de dados localizado ao lado de FILTRAR POR.

Após selecionar o modelo de dados desejado a tela exibirá uma lista de registros pertencentes ao modelo de dados:

Contratos:

  • Nº e ano do contrato;
  • Data da assinatura;
  • Contratado;
  • Objeto do contrato;
  • Já possui anexo?.

Convênios recebidos / Convênios repassados:

  • Nº do convênio;
  • Data de publicação;
  • Categoria;
  • Objeto do convênio;
  • Já possui anexo?.

Licitações:

  • Nº e ano da licitação;
  • Modalidade;
  • Objeto da licitação;
  • Já possui anexo?.

Obras:

  • Nº matrícula;
  • Descrição da obra;
  • Tipo de obra;
  • Data de previsão.
  • Já possui anexo?

Para adicionar anexos o usuário deve usar o botão em forma de clips. Após clique em + ANEXO e adicione quantos arquivos desejar, porém o tamanho de cada arquivo não pode ultrapassar 100 MB (cem megabytes).

Com relação as extensões permitidas, as mesmas são: PDF, CSV, ODS, ODT, XLS, TXT, DOC, DOCX, XLSX, JPG, PNG.

Com a funcionalidade de configuração de relatórios é possível adicionar, de forma manual, quaisquer informações por parte do administrador do sistema no caminho Configurações > Consultas > Configurações de relatórios. Sendo que os formatos permitidos são: PDF, CSV, ODS, ODT, XLS, TXT, PPT, PPX, DOC, DOCX, XLSX, JPG e PNG.

Para adicionar um relatório o usuário deverá usar o botão + RELATÓRIO localizado na parte superior da tela de configuração de relatórios e informar os seguintes campos:

Título: Título do relatório;

Descrição: Descrição do relatório;

Ano: Ano do relatório;

Tipo de período: Mensal, Bimestral, Trimestral, Quadrimestral, Semestral ou Anual;

Período: O período está diretamente ligado ao parâmetro anterior, ao qual indicará quais são os períodos disponíveis. Exemplo: Caso o usuário selecione o Tipo de período como Bimestral, as opções de Período serão: 1º Bimestre, 2° Bimestre e assim por diante;

Grupo: Descrição do grupo;

Subgrupo: Descrição do Subgrupo

Poder: Executivo, Legislativo, Consolidado ou Nenhum;

Código

  • 100 – Relatórios da Lei 9.755/98;
  • 200 – Anexos da Lei de Responsabilidade Fiscal;
  • 300 – Informações contábeis Lei 4320/64;
  • 900 – Relatórios opcionais.

É possível anexar arquivos de diversos formatos, como PDF, CSV, ODS, ODT, XLS, TXT, PPT, PPX, DOC, DOCX, XLSX, JPG e PNG. Sendo que o tamanho de cada arquivo pode ter até 100 MB.

Para anexar os arquivos o usuário poderá usar o botão + ANEXO, ou clicar no link selecione arquivos ou ainda se preferir, pode arrastar e soltar os arquivos na caixa reservada.

Para adicionar o Mapa de obras ao portal da Transparência é necessário habilitar o parâmetro Permitir exibição no Portal da Transparência e em seguida selecionar a consulta de obras, ou seja,  o modelo de dados de Obras para que o mapa seja carregado com as informações referentes às obras do município.

Após salvar, clique em INCORPORAR PÁGINA. Isso permitirá configurar quais informações estarão disponíveis quando a consulta for exibida em outra página que não o Transparência Cloud.

Para acessar o mapa de obras o contribuinte deverá clicar na área conforme a imagem abaixo no Portal do Transparência:

No primeiro acesso ao mapa de obras, o sistema solicitará permissão para saber a localização do contribuinte.  Após liberação, o contribuinte poderá visualizar o mapa conforme a imagem abaixo.

As obras são agrupadas por região, ou seja, os números que aparecem no exemplo acima representam a quantidade de obras agrupadas (4 e 37 respectivamente).

Ao clicar sobre o agrupamento de obras o mapa faz um zoom, assim o contribuinte poderá visualizar as obras que compõem o grupo.

E ao clicar sobre o ícone da obra o contribuinte poderá visualizar a janela Informações gerais da obra que contém as seguintes informações:

  • Descrição;
  • Fornecedor;
  • Situação atual da obra;
  • Data de início;
  • Data prevista de conclusão;
  • Data efetiva de conclusão;
  • Valor previsto inicial;
  • Valor previsto atualizado;
  • Valor de aditivos e alterações;
  • Valor do gasto efetivo atualizado;
  • Percentual de execução.

Na janela de informações gerais da obra, o contribuinte ainda pode clicar em Ver detalhamento e assim ser redirecionado para o detalhamento da obra na consulta de obras.

Esta funcionalidade permite ao usuário informar quais dígitos do CPF e/ou CNPJ deseja exibir ao contribuinte e quais deseja ocultar. Assim, para determinar a máscara, utilize 0 (zero) para dígitos que serão exibidos e X (xis) para números que serão ocultos.

Funcionalidade para configurar qual o modelo de relatório padrão para a impressão e exportação das consultas. Tal modelo será utilizado quando o contribuinte clicar nos botões Imprimir e/ou Exportar ,disponíveis em cada consulta.