Novidades e melhorias do sistema Contabilidade (Desktop)

No informativo anterior, publicado em 19/05, foi alertado e orientado sobre as possíveis adesões de TCEs às alterações do Ementário da Receita válido para 2022, que impactam nas adequações das elaborações das peças orçamentárias (PPA, LDO e LOA).

Neste por sua vez tem o objetivo de informar que, no momento, análises já foram realizadas e concluem que tais alterações não geram impactos nas prestações de contas da Matriz de Saldos Contábeis – MSC realizadas por meio do Contabilidade (Desktop), referente aos saldos iniciais em 2022 na virada de exercício.

Conforme o atual leiaute da MSC, as contas relacionadas às informações enviadas não transferem saldos de um exercício para outro (grupos de contas iniciados em 52% e 62%) e por isso, não demandam a necessidade de realização de um relacionamento, ou seja, um  DexPara.

Destacamos a importância de realizar uma análises aos Estados que possuem Contas Correntes específicos do seu respectivo TCE, pois na adesão do novo ementário, deverá ser avaliada a necessidade de efetuar o relacionamento (DexPara) na virada de exercício para transposição dos saldos, assim como realizado em anos anteriores.