Novidades e melhorias do sistema Monitor DF-e

Agora, é possível realizar o envio das notas fiscais eletrônicas e de serviço para o sistema Transparência (Cloud).

Vale frisar, que na hora da criação da chave de interação no sistema, realizada no Transparência (Cloud), o campo Sistema estruturante deve ser deixado em branco.

Após isso, o usuário deve acessar o menu Utilitários > Gerenciador de scripts e utilizar o script Transparência Cloud – Enviar dados.

O envio da carga inicial deve ser executado de forma manual, já no envio da carga incremental poderá ser realizado o agendamento da execução (para saber mais sobre o agendamento de scripts consulte Agendamento de scripts cloud, confira abaixo os parâmetros a serem preenchidos:

Token de envio: Chave de interação fornecida pelo Transparência. Acesse Geração da chave de interação.

Carga inicial: Definir se a carga será inicial, ou seja, deverá apagar todos os dados enviados anteriormente para o Transparência (Cloud) e carregar tudo novamente desde o início.

Data inicial: Define a data para o envio das notas, caso ele não esteja preenchido, será enviado para o Transparência (Cloud) as notas fiscais recebidas/alteradas a partir do dia anterior ao da execução do script. Vale frisar que este parâmetro deve ser ignorado quando se tratar de carga inicial. 

Email do responsável do envio: Email do usuário responsável que realizou o envio.

Vale ressaltar que serão consideradas todas as notas fiscais eletrônicas com a situação da integração com SEFAZ igual a COMPLETA e com a data de alteração da nota maior ou igual à data inicial informada, já em relação às notas de serviço eletrônicas serão consideradas as com a data de alteração da nota maior ou igual à data inicial, caso ela não possua alteração, será considerada a data de criação da nota.