Novidades e melhorias do sistema Planejamento (Cloud)

Nesta liberação foram realizadas algumas adequações na tela do Assistente de relatórios como por exemplo a alteração das nomenclaturas das tags e organização dos mesmos.

Primeiramente, acesse-o por meio da tecla de atalho F4 ou pelo menu Executando > Artefatos > Relatórios. Veja na imagem abaixo que as nomenclaturas das tags referentes a LRF foram alteradas, bem como, criadas duas novas para 2021 e 2022:

  • LRF LDO/LOA 2019 ant.;
  • LRF LDO/LOA 2020;
  • LRF LDO/LOA 2021;
  • LRF LDO/LOA 2022.

Por meio da tag LRF LDO/LOA 2022 já estão disponíveis para emissão os demonstrativos englobados pela Lei de Responsabilidade Fiscal. Ao acessá-la, perceba que as nomenclaturas dos relatórios estão alteradas em comparação com 2019 e possibilitam identificar mais rapidamente quais referem-se ao Anexo de Metais Fiscais (AMF), Anexo de Riscos Fiscais (ARF), bem como RGF e RREO.

Está disponível na tela de emissão dos demonstrativos abaixo, o campo Nota(s) explicativa(s). Ele possibilita a digitação ou a ação de colar os textos, bem como, realizar a quebra de linhas por meio da utilização do símbolo de “/” (barra) ao final de cada frase.

  • ARF – Demonstrativo de Riscos Fiscais e Providências;
  • AMF – Demonstrativo 01 – Metas Anuais;
  • AMF – Demonstrativo 02 – Avaliação do Cumprimento das Metas Fiscais do Exercício Anterior;
  • AMF – Demonstrativo 03 – Das Metas Fiscais Atuais Comparadas com as Fixadas nos Três Exercícios Anteriores;
  • AMF – Demonstrativo 04 – Evolução do Patrimônio Líquido;
  • AMF – Demonstrativo 05 – Origem e Aplicação dos Recursos Obtidos com a Alienação de Ativos;
  • AMF – Demonstrativo 06 – Avaliação da Situação Financeira e Atuarial do RPPS;
  • AMF – Demonstrativo 07 – Estimativa e Compensação da Renúncia de Receita;
  • AMF – Demonstrativo 08 – Margem de Expansão das Despesas Obrigatórias de Caráter Continuado.

Além disso foi inserida, antes das notas explicativas e assinaturas, a Fonte referente a emissão do relatório. Veja pela imagem abaixo, que é demonstrado o sistema emissor, unidade responsável, data e hora da emissão.

Conforme publicação das novidades do sistema Contábil em fevereiro, agora o Planejamento (Cloud) também possibilita realizar várias propostas orçamentárias por meio de uma única tela, ou seja, o sistema permite informar vários créditos na alteração.

Primeiramente, acesse a funcionalidade por meio do menu Planejando > LOA > Alterações orçamentárias da despesa. Duas das quatros etapas estão alteradas, onde a etapa 1 agora representa os Créditos em elaboração 2 – Propostas.

Para iniciar a alteração, clique em Adicionar proposta, localizada ao lado do botão + CRÉDITO, e informe primeiramente o Tipo de alteração, o Crédito e a Despesa. Ao inseri-la, os demais campos já conhecidos referentes a criação de alteração orçamentária, serão apresentados para preenchimento. Após, basta clicar em CONFIRMAR INSERÇÃO.

É possível realizar a inclusão de novas alterações e visualizar aquela incluída anteriormente. Esse aprimoramento permite que você insira um crédito para várias origens e uma origem para vários créditos, tudo em uma única tela. Logo, na existência de uma origem para vários créditos, o sistema realiza o cálculo proporcional do valor para a origem e seus recursos. E por fim, quando a proposta não apresentar erros, a tramitação é efetuada normalmente, bem como, a emissão a nota.

Após a geração da proposta, ela será apresenta na etapa 2 – Proposta e o sistema permitirá ainda a inserção novas alterações.

Vale destacar que todas as facilidades, como as sugestões de valores dos recursos da origem e do crédito permanecem, inclusive, para os créditos de despesas com origem enquadrada como Excesso de arrecadação (Art. 43, § 1º, inciso II da Lei 4.320/64) ou Superávit financeiro do exercício anterior (Art. 43, § 1º, inciso I da Lei 4.320/64),  é sugerido o recurso informado na origem em questão.