Alteração no nome do identificador de componente do relatório referente ao espelho do cadastro econômico

Devido a um conflito entre o nome do componente utilizado pelo relatório referente ao espelho do cadastro econômico com componentes específicos de outras entidades que possuíam o mesmo nome de identificador, foi realizada uma adequação na nomenclatura do mesmo. 

O nome do componente atualmente utilizado é chamado de utilitários, agora, realizamos a criação de um novo componente com o nome do identificador de utilitarios_v2, que passará a ser utilizado para o relatório padrão

É importante destacar que o componente com o nome do identificador utilitarios, que foi liberado anteriormente pela vertical, será mantido por 60 dias a partir de hoje, após isso, o mesmo será excluído, sendo mantido apenas o componente com o nome do identificador utilitários_v2.

Dessa forma, vale frisar, que caso algum artefato específico utilize o componente utilitarios, o mesmo deve ser adequado para o componente utilitarios_v2.

Atente-se aos artefatos envolvidos: 

  • Relatório: [Tributos] Espelho do Cadastro Econômico 
  • Fonte: [Tributos] Fonte Espelho Economico 
  • Componente Antigo: [Tributos] Utilitarios 
  • Componente Novo: [Tributos] Utilitarios V2

– Alteração nos scripts de interação entre os sistemas Cloud x Fly

Comunicamos que foram realizadas algumas alterações no script de interação de guias entre os sistemas fly, logo, esta alteração deve ser replicada nos scripts específicos de cada entidade.

Foi alterado o script padrão de interação de guias [Tributos] Interação de situação Fly, para enviar as informações do pagamento apenas quando a alteração se tratar de interação de pagamento ou estorno de pagamentos.

Foi criado um novo argumento chamado “idPagamento” que será passado apenas quando a interação for de pagamento ou de estorno de pagamento, no qual conterá o código do pagamento gerado ou estornado. Por meio dele deve ser pego as informações do pagamento movimentado e enviado assim para o sistema de origem da guia.

Confira o que mudou e deve ser  alterado:

  • Criado o parâmetro “idPagamento”;
  • Declarado “pagamento = [ : ];”.
  • Inserida a condição:

se (parametros.idPagamento?.valor) {

  pagamento = Dados.tributosRelease.v2.pagamentos.busca(criterio: “id = $idPagamento”, ordenacao: “id desc”, primeiro: true);

} senao {

se(situacao == ‘PAGA’) {

pagamento = Dados.tributosRelease.v2.pagamentos.busca(criterio: “debito.id = $idGuia”, ordenacao: “id desc”, primeiro: true);

    }

}

Alterado onde estava como “se(pagamento.id)” para: “se(pagamento?.id).

– Implementado scripts que possibilitam a importação de dívidas oriundas de fiscalizações realizadas pela Receita Federal

Foram disponibilizados novos scripts para que sejam realizadas as importações de dívidas oriundas de fiscalizações efetuadas pela Receita Federal (Inscobradeb), que se caracteriza como a inscrição em dívida ativa da cobrança dos optantes do simples que não realizaram a declaração do imposto e posteriormente foram fiscalizados pela receita resultando em débitos a pagar  dessa forma, a implementação contempla  a leitura do arquivo enviado pela Receita Federal que tem por finalidade a criação de uma dívida ativa. 

Para a leitura e criação da dívida ativa é necessário que sejam criados os cadastros das configurações, para isso,  você deve realizar a execução do script [Tributos] Cria configuração de receitas para o simples nacional (inscobra e baixa) ou efetuar a tentativa de uma baixa,  do qual resultará na  criação do cadastro de configuração das receitas do simples nacional,  sem elas, não será possível efetuar a baixa do arquivo com sucesso. 

Após isso, realize a execução do script principal [Tributos] Inscobradeb (SEFISC) – Dívidas do Simples Nacional para que a dívida seja gerada.

Lembrando que caso o script principal seja executado antes do script relacionado as configurações, o sistema irá gerar uma notificação com a necessidade da realização de uma configuração para a criação da receita.

OBSERVAÇÃO: Com a criação dessa configuração de receita não será mais necessário setar  as abreviaturas de receitas e créditos nos scripts do Inscobra e na baixa das arrecadações oriundas do DAF.

– Possibilidade de realizar a emissão do espelho Mobiliário por meio do módulo Atendimento

Informamos que agora, é possível realizar a emissão do espelho Mobiliário por meio do módulo Atendimento na guia Financeiro de um econômico ou contribuinte.

Para isso, ao realizar a busca de um econômico específico, na guia Financeiro, você consegue realizar a emissão por meio do botão Emitir > Espelho.

Caso a sua busca tenha sido realizada pelo Contribuinte, você pode realizar a emissão na guia Econômico, por meio do botão Emitir > Espelho

O contribuinte será preenchido de forma automática conforme o contribuinte que estiver sendo atendido. 

Também é possível realizar a emissão diretamente do econômico desejado clicando nos três pontinhos e em Espelho, assim, o filtro Econômico (s) também  é preenchido de forma automática.

No momento da emissão, o usuário deve indicar o modelo do espelho desejado, podendo definir filtros relacionados a situação do econômico, ao porte da empresa, além de filtrar pela lista de serviços principais e classificação de atividades.

Vale frisar que também é possível realizar a emissão do espelho do imóvel na tela de edição do cadastro de econômicos.

–  Alterações no modelo de relatório específico do Espelho Mobiliário

Conforme visto anteriormente, foi disponibilizada uma janela para emissão do relatório Espelho Mobiliário, dessa forma, é necessário que sejam feitos alguns ajustes para que os mesmos possam ser utilizados pelos nossos usuários, através dessa nova janela. Abaixo, destacamos alguns pontos importantes para que as devidas alterações possam ser realizadas nas entidades. Sendo assim, atente-se aos seguintes pontos:

O que foi criado?

  • Janela para emissão do espelho;
  • Criada a natureza para o respectivo relatório [Tributos] Espelho de Cadastro Econômico;
  • Criada a fonte dinâmica  [Tributos] Fonte Espelho Econômico;
  • Criação do script [Tributos] Fonte Espelho Econômico;

Vale ressaltar que o modelo continua o mesmo, dessa forma, o modelo do relatório pode ser o mesmo utilizado no relatório padrão de antes.

O que o técnico deve fazer?

  • Criação de uma nova fonte dinâmica com os parâmetros especificados abaixo; 

Criação de um novo relatório com os parâmetros especificados abaixo e com a natureza Espelho de Cadastro Econômico.

1. Na criação de um novo modelo de relatório, deve ser incluso os seguintes parâmetros:

2. Realize a criação da fonte dinâmica contendo o script que foi alterado e os parâmetros disponibilizados acima.

3. Realize o vínculo entre os parâmetros da nova fonte dinâmica com os parâmetros do novo relatório.